UAI
Conecte-se conosco

Games

Como escolher um cartão MicroSD para o Nintendo Switch

O Nintendo Switch suporta cartões MicroSDHC, bem como cartões MicroSDXC. Mas qual é a diferença? Qual é o Melhor? Explicamos para você…

Publicado a

em

Com o Switch, a Nintendo decidiu seguir um caminho clássico de jogos baseados em cartuchos e leitores de cartão Micro SD que não exigem a instalação de nada em um servidor. Se você quiser jogar alguma coisa, tudo o que você precisa fazer é pegar o jogo, colocá-lo e ligar o seu Switch.

Quando precisar escolher um cartão Micro SD para o seu Nintendo Switch, considere os jogos que você jogará, bem como a quantidade de armazenamento a bordo necessário. Mas a dúvida maior é, qual o melhor tipo de cartão de memória para o Nintendo Switch?

Qual tipo de cartão: MicroSDXC ou MicroSDHC

O Nintendo Switch suporta cartões MicroSDHC, bem como cartões MicroSDXC. Qual é a diferença? Limites de armazenamento:

Dependendo dos seus hábitos de jogo, 32 GB de armazenamento adicional via MicroSDHC podem ser suficientes para você, mas para aqueles que planejam usar o eShop, o MicroSDHC provavelmente não é sua melhor escolha.

Quanto espaço de armazenamento você precisa?

Então você decidiu comprar um cartão MicroSDXC para o seu Switch, mas não tem certeza de qual tamanho comprar? É difícil prever, mas aqui estão algumas diretrizes que podem lhe auxiliar:

  • Se você costuma comprar fisicamente versões AAA e comprar apenas títulos da eShop ocasionalmente, um cartão de 64 GB deve funcionar.
  • Para aqueles que baixam jogos de eShop regularmente e ocasionalmente jogos AAA digitalmente, provavelmente é melhor pular para um cartão de 128GB.
  • Se você deseja fazer o download de boa parte dos jogos AAA, considere pelo menos 200 GB.

Até agora, os maiores cartões MicroSDXC disponíveis no varejo são de 1 TB, mas lembre-se de que o Switch suporta cartões MicroSDXC de até 2 TB .

 

 

Classe de velocidade

Além do armazenamento, outro fator incrivelmente importante na escolha do cartão MicroSD certo é a velocidade. As classes de velocidade recebem uma nota – 2, 4, 6 ou 10 – para observar a velocidade mínima de um cartão. Um grau 2 significa uma velocidade de linha de base de 2 MB / s, um 4 significa 4 MB / s e assim por diante. Para o Nintendo Switch, no entanto, você desejará comprar apenas cartões classificados com uma velocidade de classe 10. Como o console lê os jogos armazenados no cartão, um cartão de velocidade classe 10 provavelmente reduzirá os atrasos e lentidão.

Agora, apenas porque um cartão é classificado na classe 10, isso não significa que ele é capaz apenas de ler e gravar dados a 10 MB / s. Cada cartão MicroSD também possui uma velocidade nominal, que registra a taxa máxima de transferência, que geralmente é significativamente superior a 10 MB / s. Como não podemos prever o desempenho dos cartões MicroSD no Switch – e eles podem variar de jogo para jogo – sua preocupação deve ser principalmente a velocidade da classe 10.

Além disso, se você encontrar um cartão MicroSDXC com uma classe de UHS. As notas variam de UHS-1 (10MB / s) a UHS-3, às vezes com 1, 2 ou 3 impresso na frente do cartão em vez de 10. A Nintendo recomenda cartões compatíveis com UHS-1 e que ter uma velocidade de transferência entre 60 e 95 MB / s.

A marca do cartão MicroSD é importante?

Outra consideração vital ao comprar um cartão MicroSD deve ser o fabricante. Como em toda a tecnologia, às vezes você pode economizar dinheiro com marcas menos conhecidas, mas sacrifica a qualidade no processo. Com o armazenamento externo, sejam discos rígidos, unidades flash ou cartões SD, considerações rigorosas sobre testes e garantia são importantes. A mesma lógica se estende aos cartões MicroSD, pois você não deseja que um cartão falhe, especialmente um com um curto período de garantia ou nenhum.

Samsung e SanDisk são os fabricantes de cartões MicroSD mais conhecidos por um motivo. Cada cartão da Samsung e da SanDisk passa por testes rigorosos, e geralmente são à prova de temperatura, à prova d’água, à prova de choque e raios-X. O design à prova de temperatura pode ser o maior ponto positivo para os proprietários de Switch, pois você nunca sabe onde acabará trazendo seu novo híbrido portátil de console.

Além da SanDisk e da Samsung, outra grande marca é a Lexar, que produz cartões MicroSD que recebem críticas favoráveis. Seus cartões passam por testes igualmente completos.

Mais importante, porém, todas as três empresas oferecem garantias longas para cartões MicroSD, o que indica que elas foram criadas para durar. A Samsung oferece garantias de 5 a 10 anos, dependendo do cartão, que cobre defeitos e falhas do fabricante. A SanDisk também possui garantias de cinco a 10 anos em seus cartões, mas algumas vêm com uma garantia vitalícia. A Lexar oferece garantias vitalícias limitadas em quase todos os seus cartões MicroSD.

Você pode economizar dinheiro optando por uma marca diferente, mas sugerimos manter a SanDisk, Samsung e Lexar no seu radar.

Recomendações finais

Desde que você compre um cartão da classe 10 de um fabricante de qualidade com uma capacidade que reflita seus hábitos de compra, é difícil dar errado, mas aqui estão nossas recomendações para cada capacidade:

É difícil encontrar um cartão com preços razoáveis ​​acima de 200 GB. No entanto, nos últimos meses, opções baratas de cartão de 256GB foram surgindo o tempo todo. Por isso, convém pensar no futuro comprando um cartão maior.

 

Nós nos esforçamos para ajudar nossos leitores a encontrar as melhores ofertas em produtos e serviços de qualidade, e escolhemos o que cobrimos com cuidado e independência. Os preços, detalhes e disponibilidade dos produtos e ofertas deste post podem estar sujeitos a alterações a qualquer momento. Certifique-se de verificar se eles ainda estão em vigor antes de fazer uma compra.

A GADZ TECH somos sinceros com nossos leitores e informamos que podemos ganhar alguma comissão por produtos adquiridos através de nossos links, o que contribui co o trabalho que fazemos para nossos leitores.

Igor Luiz é Fundador e o Content Manager do Gadz Tech. Profissional na área de criação de sites, marketing digital e trabalha na publicação de notícias do site. Email de contato: contato@gadz.com.br

Anúncio
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × dois =

Games

Saiba o que é e-sports e tudo que tem neste mundo tecnológico

Os e-Sports é um mundo eletrônico que movimenta uma fortuna, seja por conta de venda de jogos, premiações e até mesmo em apostas

Publicado a

em

O que é e-sports e saiba tudo que tem neste mundo eletrônico

Numa forma bem simples de explicar o e-sports são jogos de video game que possuem um ambiente organizado e competitivo. O termo é a abreviação de “eletronic sports” (esportes eletrônicos). Com o avanço da tecnologia as pessoas podem se desafiar e jogar contra pessoas de qualquer parte do planeta.

Como funciona os e-Sports?

O e-Sports movimenta multidões para participar e até mesmo para assistir
O e-Sports movimenta multidões para participar e até mesmo para assistir

Estes torneios podem envolver equipes, que são verdadeiras organizações, ou jogadores individuais. As partidas acontecem em eventos presenciais, onde os computadores são conectados em LAN ou por meio da internet.

Funciona como os esportes tradicionais, as equipes competem entre si disputando um prêmio em dinheiro. Mesmo não envolvendo atividade física, os e-sports já são considerados uma modalidade de esporte em todo o mundo e não é à toa, pois os atletas e jogadores profissionais precisam de muito treinamento, dedicação e disciplina como em qualquer outra competição.

Todo jogo eletrônico é considerado e-Sport?

A cada ano os times de e-Sports vão se profissionalizando
A cada ano os times de e-Sports vão se profissionalizando

De acordo com a Confederação Brasileira de E-sports, um E-sport é uma competição realizada entre profissionais e assistida pelo público através da televisão ou de alguma plataforma de streaming. Algumas outras qualidades são importantes:

  • Ter uma comunidade engajada
  • Ter uma base de jogadores ativa
  • Um bom volume de torneios
  • Ter uma boa jogabilidade. Se um jogo não for divertido, terá dificuldade em se consolidar
  • Ter boa visibilidade. Ter várias formas de encontrar conteúdos sobre o jogo ou competições
  • Ter um ótimo suporte aos jogadores.

O mercado de E-sports no Brasil e no mundo

O cenário profissional dos E-sports hoje em dia é uma indústria que vale mais de $2 bilhões de dólares, e seus campeonatos são assistidos ao vivo por milhões de pessoas.

A indústria dos games é uma das que mais crescem e é por isso que as grandes emissoras como a ESPN, a TBS e SyFy já transmitem estes eventos eletrônicos, principalmente com a chance que o E-sports seja introduzidos nas Olimpíadas em algum momento, isso porque os esportes eletrônicos estão se popularizando cada vez mais e muito rápido.

Ligas esportivas como NHL e NBA já lançaram seus próprios torneios e ligas, e times da NBA e NFL já montaram suas equipes e compraram participações em times de E-sports. Nos EUA, mais de 600 faculdades e universidades adicionaram equipes de esportes universitários e bolsas de estudo para esportes eletrônicos.

O Brasil tornou-se um dos principais mercados de E-sports do mundo. O exemplo mais popular e clássico é do campeonato brasileiro de League Of Legends, que conta com mais de 300 mil espectadores.

Quais os jogos mais populares nos e-Sports?

Existe uma grande variedade de jogos que já fazem parte do e-sport no Brasil e no mundo. Vamos listar os principais jogos:

Counter-Strike Global Offensive

o CS ( Counter-Strike ) desde o início já era uma febre no Brasil. Mesmo sendo um clássico, o CS se tornou uma febre no mundo dos e-sports. Hoje, na versão Global Offensive, continua fazendo um enorme sucesso, com torneios e competições pelo mundo todo.

FIFA

O jogo de futebol produzido pela EA Sports é famoso no Brasil e no mundo. Por isso não poderia faltar no e-sport, as transmissões de partidas atraem centenas de torcedores e assim como o Counter-Strike, o FIFA é um clássico que não fica de fora quando comparado a jogos mais novos.

League Of Legends

O League of Legends é um game no estilo multiplayer online battle arena (MOBA), produzido e publicado pela empresa Riot Games. O jogo faz sucesso no Brasil chamando a atenção de grandes empresas, como a Vivo e até mesmo clubes de futebol.

Apostas online em e-Sports 

Com um mercado deste girando muito dinheiro e extremamente competitivo, o nicho de apostas online não poderia ficar de fora. Apostas online em e-Sports começa a ter uma enorme fatia em sites do ramo.

As melhores casas de apostas do ramo possuem, além de uma parte dedicada aos esportes tradicionais, também possuem uma seção dedicada aos e-Sports. Nos e-sports também é possível acompanhar as partidas e eventos ao vivo. Situação que nos ajuda nas escolhas das apostas.

O que são os e-Sports?

O e-sports são jogos de video game que possuem um ambiente de competição organizado. O termo é a abreviação de “eletronic sports” (esportes eletrônicos).

Todos os jogos eletrônicos são e-Sports?

Não são todos os jogos virtuais que são considerados e-Sports. Para que um game entre na categoria é necessário que existam competições profissionais. Ou seja, remunerados os atletas com salários, bolsas ou premiações para os vencedores e participantes.

Existem apostas em e-Sports?

Sim! Com os jogos eletrônicos movimentando muito dinheiro e muito competitivo, o nicho de apostas online não poderia ficar de fora. Apostas online em e-Sports começa a ter uma enorme fatia em sites do ramo.

Continue Lendo

Games

Xbox recebe xCloud para que você não precise esperar downloads lentos

A Microsoft anunciou que está trazendo o xCloud para o Xbox One e Xbox Series X / S, com isso vai mudar a maneira como as pessoas experimentam os jogos em seus consoles

Publicado a

em

Xbox recebe xCloud para que você não precise esperar downloads lentos

A Microsoft está trazendo o xCloud para o Xbox One e Xbox Series X / S, a idéia é evitar muito a espera do download, assim mudar a maneira como as pessoas experimentam os jogos em seus consoles.

Mesmo sendo capaz de baixar e jogar jogos sem ter que lidar com cópias físicas, os downloads têm seus próprios problemas. O download de um jogo pode demorar muito tempo, especialmente se você não tiver uma internet muito veloz. 

Outro problema dos downloads é que muitos títulos ocupam rapidamente o seu armazenamento, deixando pouco espaço para experimentar outros jogos.

Receba em primeira mão as mais recentes notícias do nosso site em seu Smartphone. Siga-nos no Google Notícias.

Como o xCloud pode resolver este problema

A experiência do Xbox Cloud Gaming

A integração de jogos em nuvem resolve significativamente esses problemas de espaço. Os membros inscritos no Xbox Game Pass Ultimate poderão escolher entre mais de 100 jogos para jogar quase imediatamente, em vez de esperar horas para que o download termine.

Algo muito significativo acontecerá para jogadores do Xbox One, eles poderão jogar alguns jogos modernos que precisam do hardware mais poderoso da Xbox Series, como o Microsoft Flight Simulator.

Como irá funcionar estes jogos na nuvem da Microsoft

Jogos que suportam xCloud irão mostrar um pequeno ícone de nuvem.
Jogos que suportam xCloud irão mostrar um pequeno ícone de nuvem.

Jogos que suportam xCloud irão, apropriadamente, mostrar um pequeno ícone de nuvem. Selecione o título e pressione ‘play’ e você está pronto para jogar.

Claro que jogos em nuvem não serão ideais para todos principalmente para:

  • Jogadores que utilizam rede wi-fi para jogar, uma vez que estas redes podem ter muita instabilidade
  • Jogadores que são competitivos, pois precisam de menor latência possível
  • Jogadores que possuam internet com baixa velocidade, principalmente por conta da latência

Pensando nestes quesitos, o xCloud servirá mesmo para você experimentar e analisar os jogos antes de realmente baixar e ocupar seu espaço de armazenamento.

Siga nosso site no Google News

Continue Lendo

Games

Netflix anuncia anime baseado no jogo Dota; veja trailer

Netflix e Valve anunciam o novo anime do jogo Dota. Data de lançamento é para Março de 2021.

Publicado a

em

A animação foi desenvolvida pela Valve, produtora do jogo, em parceria com a Netflix.

Um dos esportes eletrônicos mais populares do mundo, Dota terá agora uma versão na telinha. DOTA: Dragon’s Blood, um anime (animação japonesa) baseado no universo do jogo será lançado no dia 25 de março na plataforma de streaming Netflix.

O anúncio pegou a comunidade de surpresa na noite desta terça-feira. A animação, feita pela Valve em parceria com a Netflix, promete “explorar o universo de Dota como você nunca viu antes”. Confira o trailer:

Conhecido por ser uma espécie de mensageiro da Valve no Dota 2, Wykrhm Reddy afirmou que o anime se trata de Dragon Knight e Mirana, dois heróis do jogo, enfrentando “demônios e deuses com aliados inesperados” e que “heróis novos e antigos ganharão vida”. Novos trailers são esperados para os dias 19 de fevereiro e 2 de março.

Uma seção especial sobre o anime também está disponível dentro do jogo e a Valve prometeu dar mais detalhes sobre o anime durante as próximas semanas.

Continue Lendo

Mais lidas +

Gadz © 2017 - E-mail para contato: contato@gadz.com.br