UAI
Conecte-se conosco

Games

Evolução dos controles do Playstation: Veja os 10 controles do console da Sony

Parece que a Sony esta querendo revolucionar o mercado em se tratando de controles para video games. Mas enquanto não chega, vamos mostrar os 10 controles que a empresa já criou para o Playstation

Publicado a

em

Com o lançamento do Playstation 5 a Sony está deixando para trás o nome DualShock por enquanto e está enfatizando os gatilhos adaptáveis ​​e o feedback tátil embutido no novo controle , que têm como objetivo traduzir elementos do jogo para sentimentos do mundo real que o jogador experimentará. Esse novo foco na sensação faz sentido, dadas as vitórias táteis da Sony durante a era PS4.

Você se lembra de todos os controles que foram criados pela Sony para o Playstation? Fizemos uma lista com 10 controles para você:

 

Playstation Classic

Controle Versão Classic - (Imagem cortesia da Wikipedia / Evan-Amos)

Controle Versão Classic – (Imagem cortesia da Wikipedia / Evan-Amos)

O controle do PlayStation foi lançado ao lado do PlayStation original em 1994 e foi inspirado no controle do Super Nintendo. Teiyu Goto, criador do controle original do PlayStation, respeitava o sucesso do mais recente console da Nintendo e não queria que esse novo controle fosse uma “partida radical”.

“O Super NES foi um grande sucesso na época e, naturalmente, queríamos que os jogadores do SNES atualizassem para o nosso sistema”, disse Goto. “É por isso que o departamento de gerenciamento não quer que o controlador seja uma partida radical – eles disseram que tinha que ser um tipo padrão de design, ou que os jogadores não aceitariam”. Embora a Sony quisesse trazer as ideias do controle do SNES, ela inovou em algumas áreas, como o segundo par de botões no topo do controle que ajudariam a navegar nos mundos 3D. Como os jogadores tiveram que mudar suas mãos dos botões L1 + R1 para os botões L2 + R2, a Sony também decidiu adicionar as alças do controle ao controlador para facilitar a transição. Os botões do controle do PlayStation deveriam representar quais ações eles representavam.

De acordo com Goto, a cruz azul (ou X?) E o círculo vermelho representavam “sim” e “não”, o triângulo era o ponto de vista e o quadrado era semelhante a um pedaço de papel que informava aos jogadores esse botão foi para menus. Este controlador PlayStation original retornaria no console PlayStation Classic.

 

Comando Analógico Dual PlayStation

Controle Dual Analogic (Imagem cortesia da Wikipedia / Bollinger) 

Controle Dual Analogic (Imagem cortesia da Wikipedia / Bollinger)

O controle analógico duplo da PlayStation foi um antecessor do DualShock e introduziu os dois direcionais analógicos pela primeira vez. Foi lançado no Japão em 1997 e incluía um recurso de estrondo que seria inicialmente retirado das versões norte-americana e européia. “Avaliamos todos os recursos e decidimos, por razões de fabricação, que o mais importante para os jogadores era o recurso analógico”, disse um porta-voz da Sony em relação à sua remoção, o que não importaria muito, pois o DualShock o adicionaria de volta e substituiria este controle no ano seguinte. Os direcionais duplos do controle da Dual Analog também possuíam ranhuras embutidas, enquanto o DualShock adotava garras de borracha texturizadas com um direcional mais voltado para fora.

 

[adinsterter block=”10″]

 

Controle DualShock

DualShock (Imagem cortesia da Amazon)

DualShock (Imagem cortesia da Amazon)

O DualShock substituiu o controle Dual Analog da PlayStation em 1997 no Japão e na América do Norte e em outros lugares em 1998. O DualShock exibia um recurso de vibração e seu nome foi derivado dos dois motores de vibração que estavam alojados dentro das alças do controlador. Em 1999, o Ape Escape foi o primeiro jogo que exigiu o uso do DualShock. O PlayStation 2 seria lançado em 2000, e o DualShock original seria compatível com a maioria dos jogos, exceto aqueles que precisavam dos botões analógicos do DualShock 2.

 

DualShock 2

DualShock 2 - (Imagem cortesia da Wikipedia / Evan-Amos)

DualShock 2 – (Imagem cortesia da Wikipedia / Evan-Amos)

O DualShock 2 foi lançado juntamente com o PlayStation 2 em 2000 e foi semelhante à barra DualShock original, com algumas mudanças, um conector mais quadrado e botões analógicos sensíveis à pressão. Aqueles que não amam a cor preta padrão do DualShock 2 também podem comprar várias outras cores, como prata acetinada, branco cerâmico, cinza ardósia, azul oceano e muito mais. O DualShock 2 poderia ser usado no PlayStation original e funcionaria no PlayStation 3 com acessórios de terceiros, embora certos jogos que usassem a funcionalidade Sixaxis nem sempre funcionassem corretamente.

 

Sixaxis

Sixaxis

Sixaxis

O Sixaxis foi incluído no PlayStation 3 quando foi lançado em 2006. Foi o primeiro controle sem fio oficial da Sony e foi capaz de detectar movimento com “seis graus de liberdade”, mas não tinha um recurso de vibração. Jogos como Warhawk e Lair foram projetados em torno do Sixaxis, que era um controlador muito mais leve devido à falta de ruído. O DualShock 3 foi lançado com o PlayStation 3, mas um processo em 2004 pela Immersion fez com que a Sony removesse os recursos de rumble enquanto estava no processo de apelação e acompanhe esta versão por um curto período de tempo. A Immersion processou a Sony e a Microsoft por violação de patente referente à funcionalidade rumble. A Microsoft acabou se estabelecendo, mas a Sony decidiu continuar a luta no tribunal. A Sony acabou perdendo e o veredicto teria que a Sony pagar US $ 90. 7 milhões para Immersion e interromper as vendas dos controladores em questão.

A Sony recorreu imediatamente, o que significava que poderia continuar vendendo os controladores durante o processo, mas perdeu. Em 2007, a Sony e a Immersion concordaram em encerrar o litígio e trabalhariam juntas para “explorar a inclusão da tecnologia de imersão nos produtos no formato PlayStation”.

 

DualShock 3

Em 2007, um ano após o lançamento do PlayStation 3 e do controle Sixaxis, a Sony anunciou o DualShock 3 no Tokyo Game Show. Acabaria substituindo o Sixaxis e finalmente traria de volta o muito solicitado feedback háptico. Além disso, o DualShock 3 não era muito diferente do Sixaxis, apesar de pesar cerca de 40% a mais por causa dos novos motores de vibração. O Sixaxis seria descontinuado em 2008, tornando o DualShock 3 o controle padrão do PlayStation 3.

 

 

PlayStation Move

Os controles do PlayStation Move foram originalmente lançados em 2009 para uso com o PlayStation 3 e estavam disponíveis durante o renascimento do movimento, que também contou com o Nintendo Wii Remote e o Microsoft Kinect. O controle PlayStation Move (ou varinha) tinha sensores inerciais que podiam detectar movimento e uma grande esfera no topo que podia mudar de cor e era usado para rastreamento pelo PlayStation Eye ou PlayStation Camera. Em nossa análise do PlayStation Move, dissemos que “tinha o potencial de ser o melhor sistema de controle de movimento na atual safra de consoles; mas, infelizmente, os jogos oferecidos no momento simplesmente não fazem justiça à tecnologia”. Após o lançamento, o suporte ao Move foi incluído em grandes títulos como Killzone 3, Dead Space: Extraction, Gran Turismo 5 e muito mais. Muitos deles utilizaram vários outros acessórios, como o controle de navegação que adicionaria outro controle analógico, o PlayStation Move Sharp Shooter, que era um controle de armas com um slot para o Move e o PlayStation Move Racing Wheel. O PlayStation Move Wand continuaria a trabalhar com o PlayStation 4 e voltou super forte como uma opção de controle para o PlayStation VR.

 

DualShock 4

O DualShock 4 foi lançado ao lado do PlayStation 4 em 2013 e apresentava não apenas um touchpad frontal capacitivo e detecção de movimento, mas também uma barra de luz na parte superior do controle que podia iluminar em muitas cores diferentes. A barra de luz, enquanto piscava em vermelho e azul quando os policiais estavam perseguindo você no GTA V ou imitava o rastreador de movimento da Alien Isolation, também foi projetada com o PlayStation VR em mente. Isso causou problemas antes do lançamento do fone de ouvido VR da PlayStation, porque ninguém realmente entendeu por que essa barra de luz era necessária e a Sony ainda não estava disposta a revelar todos os seus segredos.

“A luz de rastreamento … foi nosso departamento que disse que precisamos disso”, disse o designer sênior da SCEE, Jed Ashforth. “Foi para rastrear por VR, e quando todas essas coisas foram lançadas há seis meses e todo mundo estava ‘refletindo na minha TV’, nós estávamos ‘oh não’ porque não podíamos contar a ninguém para que era. ” Os botões START e SELECT vistos em todos os controladores PlayStation anteriores foram substituídos pelos botões OPTIONS e SHARE, respectivamente.

O botão SHARE permite que os jogadores enviem capturas de tela, vídeos e muito mais rápido. Os joysticks duplos foram ajustados e, como o controlador Dual Analog, possuem ranhuras embutidas. Os botões L2 e R2 eram mais curvos e virados para fora do que o estilo do Dualshock 3. Na época em que o PlayStation 4 Pro foi lançado em 2016, a Sony lançou uma versão atualizada do DualShock 4 que permitia a reprodução enquanto conectado a um cabo USB.

 

DualSense

O controle do PlayStation 5 foi revelado e é chamado de DualSense. Diz-se que “traz uma sensação de toque à jogabilidade do PS5” e manterá muitos dos recursos do DualShock 4, além de adicionar novas funcionalidades e um design refinado. O DualSense terá feedback tátil muito mais avançado e gatilhos adaptáveis ​​para os botões L2 e R2. O feedback tátil adicionará “uma variedade de sensações poderosas que você sentirá quando tocar, como a lenta dureza de dirigir um carro na lama”. Os gatilhos adaptativos, enquanto isso, ajudarão você a “sentir a tensão de suas ações, como quando desenha um arco para disparar uma flecha”. Além disso, o botão SHARE do DualShock 4 será substituído pelo botão CREATE, embora a Sony não esteja pronta para detalhar completamente o significado dessa alteração. O DualSense também possui um design em dois tons, diferente dos controladores anteriores. A barra de luz também será encontrada em ambos os lados do touchpad.

 

Menção Honrosa: O Boomerang

Controle Boomerang

Controle Boomerang

Embora o controle “Boomerang” do PlayStation 3 nunca tenha sido lançado, surpreendeu o mundo com seu design radical que parece um bumerangue. Foi mostrado na E3 2005 durante a revelação do PlayStation 3, mas, curiosamente, não foi destacado ou focado durante a apresentação principal. Estava simplesmente exporto em vitrines no salão do show. O Sixaxis iria substituir esse design selvagem, mas a Lenda do Bumerangue continuaria viva por muitos anos. A Sony finalmente comentou sobre o controle, dizendo que era um modelo que queria ter pronto para a revelação do PS3. Após sua primeira exibição, a equipe de design levou a sério o feedback e decidiu seguir com o controlador DualShock, muito mais familiar.

[adinsterter block=”5″]

Igor Luiz é Fundador e o Content Manager do Gadz Tech. Profissional na área de criação de sites, marketing digital e trabalha na publicação de notícias do site. Email de contato: contato@gadz.com.br

Anúncio
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + seis =

Games

Saiba o que é e-sports e tudo que tem neste mundo tecnológico

Os e-Sports é um mundo eletrônico que movimenta uma fortuna, seja por conta de venda de jogos, premiações e até mesmo em apostas

Publicado a

em

O que é e-sports e saiba tudo que tem neste mundo eletrônico

Numa forma bem simples de explicar o e-sports são jogos de video game que possuem um ambiente organizado e competitivo. O termo é a abreviação de “eletronic sports” (esportes eletrônicos). Com o avanço da tecnologia as pessoas podem se desafiar e jogar contra pessoas de qualquer parte do planeta.

Como funciona os e-Sports?

O e-Sports movimenta multidões para participar e até mesmo para assistir
O e-Sports movimenta multidões para participar e até mesmo para assistir

Estes torneios podem envolver equipes, que são verdadeiras organizações, ou jogadores individuais. As partidas acontecem em eventos presenciais, onde os computadores são conectados em LAN ou por meio da internet.

Funciona como os esportes tradicionais, as equipes competem entre si disputando um prêmio em dinheiro. Mesmo não envolvendo atividade física, os e-sports já são considerados uma modalidade de esporte em todo o mundo e não é à toa, pois os atletas e jogadores profissionais precisam de muito treinamento, dedicação e disciplina como em qualquer outra competição.

Todo jogo eletrônico é considerado e-Sport?

A cada ano os times de e-Sports vão se profissionalizando
A cada ano os times de e-Sports vão se profissionalizando

De acordo com a Confederação Brasileira de E-sports, um E-sport é uma competição realizada entre profissionais e assistida pelo público através da televisão ou de alguma plataforma de streaming. Algumas outras qualidades são importantes:

  • Ter uma comunidade engajada
  • Ter uma base de jogadores ativa
  • Um bom volume de torneios
  • Ter uma boa jogabilidade. Se um jogo não for divertido, terá dificuldade em se consolidar
  • Ter boa visibilidade. Ter várias formas de encontrar conteúdos sobre o jogo ou competições
  • Ter um ótimo suporte aos jogadores.

O mercado de E-sports no Brasil e no mundo

O cenário profissional dos E-sports hoje em dia é uma indústria que vale mais de $2 bilhões de dólares, e seus campeonatos são assistidos ao vivo por milhões de pessoas.

A indústria dos games é uma das que mais crescem e é por isso que as grandes emissoras como a ESPN, a TBS e SyFy já transmitem estes eventos eletrônicos, principalmente com a chance que o E-sports seja introduzidos nas Olimpíadas em algum momento, isso porque os esportes eletrônicos estão se popularizando cada vez mais e muito rápido.

Ligas esportivas como NHL e NBA já lançaram seus próprios torneios e ligas, e times da NBA e NFL já montaram suas equipes e compraram participações em times de E-sports. Nos EUA, mais de 600 faculdades e universidades adicionaram equipes de esportes universitários e bolsas de estudo para esportes eletrônicos.

O Brasil tornou-se um dos principais mercados de E-sports do mundo. O exemplo mais popular e clássico é do campeonato brasileiro de League Of Legends, que conta com mais de 300 mil espectadores.

Quais os jogos mais populares nos e-Sports?

Existe uma grande variedade de jogos que já fazem parte do e-sport no Brasil e no mundo. Vamos listar os principais jogos:

Counter-Strike Global Offensive

o CS ( Counter-Strike ) desde o início já era uma febre no Brasil. Mesmo sendo um clássico, o CS se tornou uma febre no mundo dos e-sports. Hoje, na versão Global Offensive, continua fazendo um enorme sucesso, com torneios e competições pelo mundo todo.

FIFA

O jogo de futebol produzido pela EA Sports é famoso no Brasil e no mundo. Por isso não poderia faltar no e-sport, as transmissões de partidas atraem centenas de torcedores e assim como o Counter-Strike, o FIFA é um clássico que não fica de fora quando comparado a jogos mais novos.

League Of Legends

O League of Legends é um game no estilo multiplayer online battle arena (MOBA), produzido e publicado pela empresa Riot Games. O jogo faz sucesso no Brasil chamando a atenção de grandes empresas, como a Vivo e até mesmo clubes de futebol.

Apostas online em e-Sports 

Com um mercado deste girando muito dinheiro e extremamente competitivo, o nicho de apostas online não poderia ficar de fora. Apostas online em e-Sports começa a ter uma enorme fatia em sites do ramo.

As melhores casas de apostas do ramo possuem, além de uma parte dedicada aos esportes tradicionais, também possuem uma seção dedicada aos e-Sports. Nos e-sports também é possível acompanhar as partidas e eventos ao vivo. Situação que nos ajuda nas escolhas das apostas.

O que são os e-Sports?

O e-sports são jogos de video game que possuem um ambiente de competição organizado. O termo é a abreviação de “eletronic sports” (esportes eletrônicos).

Todos os jogos eletrônicos são e-Sports?

Não são todos os jogos virtuais que são considerados e-Sports. Para que um game entre na categoria é necessário que existam competições profissionais. Ou seja, remunerados os atletas com salários, bolsas ou premiações para os vencedores e participantes.

Existem apostas em e-Sports?

Sim! Com os jogos eletrônicos movimentando muito dinheiro e muito competitivo, o nicho de apostas online não poderia ficar de fora. Apostas online em e-Sports começa a ter uma enorme fatia em sites do ramo.

Continue Lendo

Games

Xbox recebe xCloud para que você não precise esperar downloads lentos

A Microsoft anunciou que está trazendo o xCloud para o Xbox One e Xbox Series X / S, com isso vai mudar a maneira como as pessoas experimentam os jogos em seus consoles

Publicado a

em

Xbox recebe xCloud para que você não precise esperar downloads lentos

A Microsoft está trazendo o xCloud para o Xbox One e Xbox Series X / S, a idéia é evitar muito a espera do download, assim mudar a maneira como as pessoas experimentam os jogos em seus consoles.

Mesmo sendo capaz de baixar e jogar jogos sem ter que lidar com cópias físicas, os downloads têm seus próprios problemas. O download de um jogo pode demorar muito tempo, especialmente se você não tiver uma internet muito veloz. 

Outro problema dos downloads é que muitos títulos ocupam rapidamente o seu armazenamento, deixando pouco espaço para experimentar outros jogos.

Receba em primeira mão as mais recentes notícias do nosso site em seu Smartphone. Siga-nos no Google Notícias.

Como o xCloud pode resolver este problema

A experiência do Xbox Cloud Gaming

A integração de jogos em nuvem resolve significativamente esses problemas de espaço. Os membros inscritos no Xbox Game Pass Ultimate poderão escolher entre mais de 100 jogos para jogar quase imediatamente, em vez de esperar horas para que o download termine.

Algo muito significativo acontecerá para jogadores do Xbox One, eles poderão jogar alguns jogos modernos que precisam do hardware mais poderoso da Xbox Series, como o Microsoft Flight Simulator.

Como irá funcionar estes jogos na nuvem da Microsoft

Jogos que suportam xCloud irão mostrar um pequeno ícone de nuvem.
Jogos que suportam xCloud irão mostrar um pequeno ícone de nuvem.

Jogos que suportam xCloud irão, apropriadamente, mostrar um pequeno ícone de nuvem. Selecione o título e pressione ‘play’ e você está pronto para jogar.

Claro que jogos em nuvem não serão ideais para todos principalmente para:

  • Jogadores que utilizam rede wi-fi para jogar, uma vez que estas redes podem ter muita instabilidade
  • Jogadores que são competitivos, pois precisam de menor latência possível
  • Jogadores que possuam internet com baixa velocidade, principalmente por conta da latência

Pensando nestes quesitos, o xCloud servirá mesmo para você experimentar e analisar os jogos antes de realmente baixar e ocupar seu espaço de armazenamento.

Siga nosso site no Google News

Continue Lendo

Games

Netflix anuncia anime baseado no jogo Dota; veja trailer

Netflix e Valve anunciam o novo anime do jogo Dota. Data de lançamento é para Março de 2021.

Publicado a

em

A animação foi desenvolvida pela Valve, produtora do jogo, em parceria com a Netflix.

Um dos esportes eletrônicos mais populares do mundo, Dota terá agora uma versão na telinha. DOTA: Dragon’s Blood, um anime (animação japonesa) baseado no universo do jogo será lançado no dia 25 de março na plataforma de streaming Netflix.

O anúncio pegou a comunidade de surpresa na noite desta terça-feira. A animação, feita pela Valve em parceria com a Netflix, promete “explorar o universo de Dota como você nunca viu antes”. Confira o trailer:

Conhecido por ser uma espécie de mensageiro da Valve no Dota 2, Wykrhm Reddy afirmou que o anime se trata de Dragon Knight e Mirana, dois heróis do jogo, enfrentando “demônios e deuses com aliados inesperados” e que “heróis novos e antigos ganharão vida”. Novos trailers são esperados para os dias 19 de fevereiro e 2 de março.

Uma seção especial sobre o anime também está disponível dentro do jogo e a Valve prometeu dar mais detalhes sobre o anime durante as próximas semanas.

Continue Lendo

Mais lidas +

Gadz © 2017 - E-mail para contato: contato@gadz.com.br